O Evento 2013
Sobre o Evento Novidades Multimídia Músicas Revista Digital Contato
Participe do WCS
Etapas Classificatórias Regras Faq
WCS - Etapa JBC Brasil
Sobre o WCS WCS no Twitter
Mangás JBC
capa de Super Onze #21 Super Onze #21 A Convocação! Henshin Mangá #01 Histórias vencedoras do BMA 2013/14 Onde Comprar

Entrevistas

Recursos
Texto Aumentar Diminuir

Celebridade cosplay

A italiana Francesca Dani conta como foi participar do WCS 2005 e vencer. Veja também galeria de fotos sobre o concurso e a divertida viagem ao Japão

Divulgação“Acredito que a maioria dos cosplayers no mundo sonha em participar deste evento. É como as Olimpíadas do cosplay”Loira, olhos azuis e fã de animê desde muito pequena, a modelo italiana Francesca Dani virou celebridade internacional no universo dos cosplayers em agosto do ano passado. Ela ganhou o prêmio mais importante do World Cosplay Summit 2005 como membro do time italiano.

Francesca e suas colegas venceram na categoria Time Vencedor Absoluto. Em Aichi, ela foi a Cassandra do game “Soul Calibur 2″. Formada em moda e atualmente trabalhando em uma fábrica, a moça considera essa fantasia sua “obra-prima”. O Time Italiano levou o título para casa com uma coreografia original do game cheia de acrobacias.

Em entrevista exclusiva, Francesca fala sobre cosplay, a viagem ao Japão, a emoção de vencer o WCS2005 e manda uma mensagem para os cosplayers brasileiros, que terão a chance de percorrer o caminho feito por ela concorrendo na etapa JBC Brasil do WCS 20006.

Quando você começou a fazer cosplay?
Comecei no início de 1998. Minha primeira fantasia foi de Super Sailormoon (do famoso animê “Sailormoon SS”). Eu a fiz em apenas três dias e, logo na minha primeira participação em uma convenção italiana, eu já ganhei um dos prêmios mais cobiçados do concurso.

DivulgaçãoFrancesca como Françoise Arnou, de Cyborg 009, seu animê preferidoQual é o seu personagem favorito?
Minha favorita é a Françoise Arnou do “Cyborg 009″, de Shotaro Ishinomori. A série é o meu animê preferido desde pequena, e eu me apaixonei por essa personagem porque ela é loira, tem olhos azuis e pele clara, igualzinha a mim!

Como foi a viagem ao Japão para as finais do WCS?
Ir para as finais do WCS foi como um sonho se tornando realidade. Eu acredito que a maioria dos cosplayers no mundo sonha em participar deste evento. É como as Olimpíadas do cosplay, e ser selecionada para a final é uma ótima oportunidade para conhecer outros cosplayers de todo o mundo, visitar o Japão e passar uma semana como um ídolo do cosplay.

Eu recebi um e-mail da equipe da TV-Aichi em março, dizendo que eu tinha sido selecionada para ir ao Japão. Foi a terceira edição do WCS, e a mais especial, porque foi o primeiro campeonato da história do encontro. Eu e minhas colegas de time passamos cinco meses trabalhando em quatro fantasias e na coreografia da nossa apresentação.

Quando chegamos ao aeroporto de Nagoya depois de 12 horas no avião, uma equipe da TV-Aichi já esperava por nós. Tiramos fotos e tivemos entrevistas para a emissora e para o jornal Chunichi, havia muito interesse da mídia no evento. Éramos mesmo como superstars! Além disso, uma das coisas mais legais em Nagoya foi a Parada do Cosplay – os cosplayers andam pelas ruas de Osu até o templo de Osu Kannon.

Você fez amigos no Japão?
Eu sou uma pessoa muito tímida, mas sim, fiz novas amizades lá. Ainda falo com alguns deles por e-mail. Uma das pessoas mais legais que eu conheci era uma menina do Time Espanhol chamada Gisela. Ela é ótima e canta muito bem também. Ela tocou como Roy Mustang no concurso principal e sua fantasia era bonita e fiel ao original.

O tempo que você passou no Japão foi suficiente para conhecer os lugares e a cultura do país? Tivemos uns três ou quatro dias livres durante o WCS 2005, então deu tempo para visitar a região e as cidades próximas. Ficamos em Nagoya, mas fizemos um tour por Tokyo também. Nagoya é uma cidade muito bonita, cheia de ótimos lugares para conhecer, e as pessoas de lá são muito simpáticas. Visitar Tokyo era um dos meus maiores sonhos. Torrei metade do meu crédito bancário em compras e visitei o famoso Cospa Shop também.

Uma mensagem para o pessoal no Brasil?
Boa sorte a todos os cosplayers brasileiros que forem selecionados para o evento! Divirtam-se!

Reportagem: Silvana Salles

Últimas notícias Veja o nosso arquivo

Resultados da Final do WCS 2014 Brasil Dupla vencedora já tem vaga no mundial de 2015 A banca de jurados do WCS 2014 Brasil A difícil tarefa de escolher a melhor dupla de cosplay do Brasil! Os finalistas do WCS 2014 Conheça os participantes dessa edição.
Parceiros
Trofeus Friendz
Realização
Japorama World Cosplay Summit
Sites JBC
- Editora JBC - AkibaSpace - Mangás JBC - Henshin! - Made in Japan - Livros JBC - Hashitag - Restaurantes Japoneses
Informativo WCS